Uma Quase Dupla

Data de estreia: 19 de julho de 2018. A policial sabe-tudo Keyla e o despreparado detetive Claudio não podiam ser mais incompatíveis. No entanto são obrigados a formar uma dupla para resolver a série de misteriosos assassinatos que estão acontecendo na pacata cidade de Joinlândia. Ficha Técnica: Direção: Marcus Baldini Coprodução: Biônica Filmes, Paramount

Estrada de sonhos

Data de estreia: 05 de julho de 2018. O documentário mostra a história ferroviária do Brasil e, pensando além dos trilhos e das locomotivas, discorre sobre lembranças de pessoas que vivenciaram e ainda vivem esse símbolo da modernidadde e progresso no passado. O filme mostra não só a primeira ferrovia do

O Desmonte do Monte

Data de estreia: 05 de julho de 2018. O documentário aborda a história do Morro do Castelo, seu desmonte e arrastamento. Apesar de sua importância histórica e arquitetônica, o Morro do Castelo foi destruído por reformas urbanísticas com o intuito de "higienizar" a cidade do Rio de Janeiro. Ficha Técnica: Direção, Produção e

Mulheres alteradas

Data de estreia: 05 de julho de 2018. Leandra está na crise dos 30: quer casar e ter filhos, mas não tem nem namorado. Sua irmã, Sônia, é casada e tem dois filhos, mas tudo o que quer é uma noite de curtição com sua melhor amiga, Marinati - advogada workaholic

Além do Homem

Data de estreia: 28 de junho de 2018. O escritor brasileiro Alberto Luppo (Sergio Guizé) mora em Paris há anos e não deseja retornar ao país de origem. Mas quando um antropólogo francês desaparece no interior do Brasil, Alberto é obrigado a retornar à terra natal para transformar a história em

Auto de resistência

Data de estreia: 28 de junho de 2018. Um documentário sobre os homicídios praticados pela polícia contra civis, no Rio de Janeiro, em casos conhecidos como "autos de resistência". O filme acompanha a trajetória de personagens que lidam com essas mortes em seus cotidianos, mostrando o tratamento dado pelo Estado a

Berenice procura

Data de estreia: 28 de junho de 2018. Berenice é taxista e tem uma paixão especial por fatos policiais e cenas de crimes. Um dia ela escolhe o caso do assassinato de uma travesti no bairro de Copacabana para fazer sua própria investigação. Ficha Técnica: Direção: Allan Fiterman Produção: Elisa Tolomelli Roteiro: Flávia Guimarães e

O nó do diabo

Data de estreia: 28 de junho de 2018. Cinco contos de horror. No período na escravidão, uma fazenda era palco de horrores e anos depois o passado cruel ainda permanece nas paredes do local. Cinco encontros com a morte. Um nó que não se desata. Ficha Técnica: Direção: Ramon Porto Mota, Ian Abé,

Canastra suja

Data de estreia: 21 de junho de 2018. Batista (Marco Ricca) e Maria (Adriana Esteves) formam um casal que, aparentemente, é muito feliz em seu casamento. No entanto, a verdade é que as aparências enganam e muito; no fundo, Batista, um alcoólatra inveterado e Maria, que tem um caso com o

Tungstênio

Data de estreia: 21 de junho de 2018. Quando pessoas começam a utilizar explosivos para pescar na orla de Salvador, na Bahia, um sargento do exército aposentado, um policial e sua esposa e um traficante vão se unir e farão de tudo para acabar com esse crime ambiental. Ficha Técnica: Direção: Heitor Dhalia Produção: Egistro Betti Produção

Amores de chumbo

Data de estreia: 14 de junho de 2018. "Esse passado é um eterno presente". Amores de Chumbo trata de um triângulo amoroso, questionando o limite de cada um diante de segredos e paixões interrompidas. Quarenta anos separam Maria Eugênia, escritora pernambucana radicada na França, do casal Miguel e Lúcia que acabam

Baronesa

Data de estreia: 14 de junho de 2018. Andreia quer se mudar. Leid espera pelo marido preso. Vizinhas em um bairro na periferia de Belo Horizonte, elas tentam se desviar dos perigos de uma guerra do tráfico e evitar as tragédias trazidas junto com a chuva. Ficha técnica: Direção e roteiro: Juliana Antunes Direção de

Em 97 era assim

Data de estreia: 14 de junho de 2018. Quatro garotos de 15 anos vivem o auge da adolescência e o principal anseio deles é perder a virgindade. Eles tentam economizar dinheiro para contratarem uma prostituta e, enquanto enfrentam os deveres escolares, vão descobrir o valor da verdadeira amizade. Ficha Técnica: Direção: Zeca Brito Roteiro:

Talvez uma história de amor

Data de estreia: 14 de junho de 2018. Virgílio chega em casa após o trabalho e escuta o recado de Clara, pela secretária eletrônica, comunicando o término do relacionamento dos dois. O único problema é que Virgílio é solteiro e não faz ideia de quem Clara seja. Ficha técnica: Direção e Produção: Rodrigo

As boas maneiras

Data de estreia: 07 de junho de 2018. Clara, enfermeira solitária da periferia de São Paulo, é contratada pela rica e misteriosa Ana como babá de seu futuro filho. Uma noite de lua cheia muda para sempre a vida das duas mulheres. Ficha técnica: Direção e roteiro: Juliana Rojas e Marco Dutra Coprodução: Dezenove

Los Territorios

Data de estreia: 07 de junho de 2018. Após o ataque ao jornal satírico Charlie Hebdo em Paris, Ivan, um rapaz frívolo e filho de um proeminente jornalista argentino, embarca em uma jornada pelos cenários de diferentes eventos geopolíticos no planeta. Mas fazer um documentário sobre conflitos do mundo contemporâneo não

Bonifácio – O fundador do Brasil

Data de estreia: 07 de junho de 2018. O documentário mostra a vida de José Bonifácio de Andrada e Silva, patriarca da independência brasileira, utilizando como eixo investigativo a "Teoria das Camadas da Personalidade', do filósofo Olavo de Carvalho. Ficha técnica: Direção: Mauro Ventura

Caminho do mar

Data de estreia: 07 de junho de 2018. Da nascente à foz, o rio Paraíba do Sul é muitos rios. Com suas águas, abasteceu e possibilitou a formação sócio econômica brasileira, especialmente, a do sudeste do país. Ficha técnica: Diretor e roteiro: Bebeto Abrantes Produção: Juliana de Carvalho Fotografia: Fabrício Mota Distribuidora: BANG FILMES PRODUÇÕES

Dedo na ferida

Data de estreia: 30 de maio de 2018. O filme mostra o fim do estado de bem-estar e a interrupção dos sonhos em um cenário em que o capital financeiro inviabiliza a justiça social. Ficha técnica: Direção e Roteiro: Silvio Tendler Produção: Maycon Almeida Fotografia: Lúcio Kodato, ABC Montador: Fransciso Slade Distribuidora: Caliban Produções

Paraíso Perdido

Data de estreia: 30 de maio de 2018. Dono da boate Paraíso Perdido, o patriarca José (Erasmo Carlos) faz de tudo para garantir a felicidade de seu clã: os filhos Angelo (Júlio Andrade) e Eva (Hermila Guedes), o filho adotivo Teylor (Seu Jorge) e os netos Celeste (Julia Konrad) e Imã

Em um mundo interior

Data de estreia: 30 de maio de 2018. O documentário busca observar o universo de crianças com transtornos do espectro do autismo, ao acompanhar em seu dia a dia crianças brasileiras de diferentes regiões e classes sociais, além de compreender e demonstrar como tais indivíduos vivenciam a realidade. Ficha técnica: Direção:  Flavio Frederico

A superfície da sombra

Data de estreia: 30 de maio de 2018 Tony (Leonardo Machado) recebe a notícia que uma amiga (ou mais que isso) de longa data está morrendo em uma pequena cidade da fronteira e quer vê-lo antes de morrer. Antonio chega tarde, ela já morreu, mas sua filha espera-o para o enterro.

João de Deus – O silêncio é uma prece

Data de estreia: 30 de maio de 2018 O documentário conta a história do médium João de Deus desde sua infância no interior de Goiás até o presente, em que ele incorpora médicos e parece ter adquirido poderes curativos. Ficha técnica: Direção, Produção e Fotografia: Candé Salles Roteiro: Edna Gomes Distribuidora: Downtown Filmes e Paris

Não se aceitam devoluções

Data de estreia: 30 de maio de 2018 Juca Valente é um sedutor descompromissado. Um dia, Brenda, sua ex-namorada americana, abandona a pequena Emma, ainda bebê, com ele. Desesperado, Juca viaja para os Estados Unidos atrás de Brenda com a esperança de lhe devolver a criança. Seu plano não dá certo

Antes que eu me esqueça

Data de estreia: 24 de maio de 2018 Aos 80 anos, Polidoro resolve demolir a estabilidade de sua confortável vida de juiz aposentado e virar sócio de uma boate de strip-tease. Beatriz, sua filha, resolve o interditar judicialmente. Seu filho Paulo se declara incapaz de opinar pois não mantém relações com

A vida extra-ordinária de Tarso de Castro

Data de estreia: 24 de maio de 2018 História do jornalista Tarso de Castro, que criou o Pasquim e foi membro de uma geração de intelectuais contrários à ditadura militar. Ficha técnica: Direção e roteiro: Leo Garcia, Zeca Brito Produção: Leo Garcia, Leticia Friedrich, Zeca Brito Distribuidora: Boulevard Filmes

Rio Mumbai

Data de estreia: 24 de maio de 2018 Nelson é casado com Maria e ele passa a presenciar estranhas experiências, as quais podem estar ligadas a viagens no tempo. Através de um diário de bordo, Maria descobre que há uma conexão atemporal entre eles. Ficha técnica: Direção e roteiro: Gabriel Mellin e Pedro

Alguém como eu

Data de estreia: 24 de maio de 2018 Helena (Paolla Oliveira), uma jovem e bem-sucedida mulher de 30 anos, toma uma decisão radical depois de várias decepções amorosas: viver em Lisboa, solteira e independente. Porém, Helena não controla o destino e dá de cara com uma nova paixão, Alex (Ricardo Pereira).

Querida Mamãe

Data de estreia: 17 de maio de 2018. A médica Helô vive infeliz e cheia de problemas com o marido e a mãe. Um dia ela se separa do marido e, um tempo depois, ela conhece no hospital em que trabalha a pintora Leda, que havia sofrido um acidente de carro.

O Processo

Data de estreia: 17 de maio de 2018. "O Processo" oferece um olhar pelos bastidores do julgamento que culminou no impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff em 31 de agosto de 2016. O filme testemunha a profunda crise política e o colapso das instituições democráticas no país. Ficha Técnica: Direção e Roteiro: Maria Augusta Ramos Direção

Chega de fiu fiu

Data de estreia: 10 de maio de 2018. O documentário mostra imagens coletadas por câmeras escondidas sobre o dia a dia de três mulheres, relatando como ocorre a violência de gênero no espaço público urbano. Ficha Técnica: Direção: Amanda Kamanchek e Fernanda Frazão Elenco: Djamila Ribeiro, Raquel Carvalho, Rosa Luz e Teresa Chaves

O renascimento do parto 2

Data de estreia: 10 de maio de 2018. O documentário discute a realidade da obstetrícia no Brasil, onde partos por cesariana são muito mais frequentes do que seria recomendado. Ficha Técnica:  Direção: Eduardo Chauvet Elenco: Alexandre Coimbra Amaral, Ana Lúcia Keunecke, Ana Paula Caldas, Ana Previtalli, Anne Rammi, Ellen Paes, Fernanda Lima, Frank Lowen, Jane

Para ter onde ir

Data de estreia: 10 de maio de 2018. "Para Ter Onde Ir" conta a história de três mulheres que seguem juntas em uma mesma viagem. Eva, mulher madura e pragmática, Melina, uma jovem livre e sem compromisso, e Keithylennye, uma ex-dançarina de technobrega, dividem acontecimentos e encontros que mudarão seus destinos.

Todos os Paulos do mundo

Data de estreia: 10 de maio de 2018. A criação da Babel despeja pelo mundo homens que falam línguas diferentes: todos os rostos, corpos e vozes de Paulo José, encarnados nos personagens que o ator interpretou em sua carreira no teatro, na televisão e no cinema. TODOS OS PAULOS DO MUNDO

Teu mundo não cabe nos meus olhos

Data de estreia: 03 de maio de 2018. Vitório, cego de nascença, é dono de uma pizzaria herdada por seu pai no tradicional bairro do Bixiga, em São Paulo, e é considerado famoso por oferecer a melhor pizza dos arredores. Vivendo uma vida feliz com a mulher Clarice e a filha

A cidade do futuro

Data de estreia: 26 de abril de 2018. Em uma região marcada pelo machismo e pela homofobia, Milla, Gilmar e Igor formarão uma família fora dos padrões. Ficha Técnica: Direção e Produção: Cláudio Marques e Marília Hughes Roteiro: Cláudio Marques Fotografia: Gabriel Martins Direção de Arte: Carol Tanajura Direção de Produção: Michele Perroni Som: Edson Secco Montagem: Cláudio Marques

Ex-pajé

Data de estreia: 26 de abril de 2018. Os Paiter Suruí, habitantes da terra indígena Sete de Setembro, em Rondônia, atravessaram mais de metade do século XX vivendo isolados. Perpera, o protagonista de Ex-Pajé, tinha 20 anos quando seu povo fez o primeiro contato com os brancos, em 1969. Até aquele

Pagliacci

Data de estreia: 26 de abril de 2018. A partir da história da Cia La Mínima, o documentário “ Pagliacci “ celebra de maneira poética seus 20 anos dividindo e entrelaçando três perspectivas: a figura do palhaço (através de Fernando Sampaio e entrevistas), a montagem do espetáculo Pagliacci e a trajetória

Rogério Duarte – O tropikaoslista

Data de estreia: 26 de abril de 2018. Um dos maiores nomes do movimento Tropicália é retratado neste documentário: Rogério Duarte. O artista ainda ficou conhecido por ser um dos primeiros a denunciar as torturas que aconteceram na ditadura militar. Ficha Técnica Direção: José Walter Lima

Ayrton Senna – O musical

Data de estreia: 26 de abril de 2018. Anos depois do acidente que levou a morte de Ayrton Senna, as suas últimas memórias são reproduzidas em formato de musical, traçando uma retrospectiva dos melhores momentos de vida de um dos maiores heróis do Brasil. Ficha Técnica: Direção: Renato Rocha

Construindo pontes

Data de estreia: 19 de abril de 2018. Heloisa é filha de Álvaro, um engenheiro civil que viveu seu auge na carreira durante a ditatura militar. O momento que para ele foi uma oportunidade de mostrar seu trabalho, para outros foi marcado pelo autoritarismo. Agora, entre memórias do passado e um

Quase memória

Data de estreia: 19 de abril de 2018. Carlos Jovem recebe um pacote, uma situação rotineira para um jornalista. Mas o pacote soa diferente. O nó que amarra o embrulho, o cheiro, a letra no envelope: só poderia ter sido enviado por seu pai, Ernesto , morto há anos. Um pai

Todo clichê do amor

Data de estreia: 19 de abril de 2018 Várias histórias são mostradas no filme: uma prostituta que deseja ser mãe; uma garçonete comprometida com um homem que comete assassinato como prova de amor; um executivo aprisionado em um motel por uma prostituta; e uma madrasta que tenta se aproximar da enteada

Aos teus olhos

Data de estreia: 12 de abril de 2018. Rubens é um professor de natação infantil acusado pelos pais de um aluno de beijar o filho deles na boca no vestiário do clube. Quando a acusação viraliza nos grupos de mensagens e redes sociais da escola, começa um julgamento precipitado de Rubens

Severina

Data de estreia: 12 de abril de 2018. A vida de um livreiro, melancólico e aspirante a escritor, é abalada pelas aparições e desaparições de sua nova musa que rouba na sua livraria. Logo, ele descobre que ela rouba nas livrarias de outros livreiros também. Então, ele começa a viver um delírio amoroso, na

Arábia

Data de estreia: 5 de abril de 2018. André é um jovem morador da Vila Operária, bairro vizinho a uma velha fábrica de alumínio, em Ouro Preto, Minas Gerais. Um dia, ele encontra o caderno de um dos operários da fábrica. Ficha técnica: Roteiro: Affonso Uchôa e João Dumans Produção executiva: Vitor Graize e

Em nome da América

Data de estreia: 05 de abril de 2018. O documentário mostra a situação do nordeste brasileiro na década de 1960, quando jovens norte-americanos vieram para o país através do programa de voluntariado Peace Corps (Corpos da Paz). Através de depoimentos, a produção revela as contradições entre a política externa de Kennedy e a

Tropykaos

Data de estreia: 05 de abril de 2018. Guima, um jovem poeta, tenta interagir com a cidade, fazer parte dela, mas parece não ter corpo para isso. É o verão mais caloroso dos últimos 50 anos e os raios “ultraviolentos” estão por toda parte. O Sol é a metáfora maior de

Árvores vermelhas

Data de estreia: 29 de março de 2018. Da cineasta Marina Willer, “Árvores Vermelhas” cria um ensaio visual impressionista que traça a trajetória do arquiteto Alfred Willer, que faz parte de uma das doze famílias judaicas que sobreviveu à ocupação nazista em Praga, durante a Segunda Guerra Mundial. Fotografado pelo indicado

Górgona

Data de estreia: 29 de março de 2018 Endividada pela montagem de sua última peça de teatro, Maria Alice Vergueiro, uma atriz octagenária acometida pelo mal de Parkinson, vive a aclamação da crítica e a indiferença da indústria enquanto tenta encarar o grotesco da morte oscilando entre o horror e o

Topo