FAM 2022: Abertas as inscrições para palestras do Rally Universitário Floripa

Seis palestras durante o Rally Universitário no 26º Florianópolis Audiovisual Mercosul – FAM 2022 são parte da formação dos grupos de estudantes latino-americanos que realizam um curta-metragem durante 100 horas consecutivas no festival. O público geral também pode participar das palestras que contemplam todas as etapas da realização de um filme: Direção e Roteiro, Atuação, Produção, Fotografia, Som e Montagem.

As palestras acontecem no Hotel Majestic nos dias 23 e 24 de setembro, gratuitas para os participantes do Rally, além de 30 vagas ao custo de R$ 25,00 para demais públicos. Na sexta, 23, serão duas palestras, às 14h, Direção e Roteiro, com Federico Adorno e às 17h sobre Atuação, com Mário Toñanez.

No sábado, 24, serão mais quatro palestras, começando às 10h com a palestra sobre Produção, com Ana Petta; às 13h sobre Fotografia, com Bruno Risas, às 15h o tema é Som, com Carlos Fernando Vega e por fim, às 17h sobre Montagem, com Sergio Severino.

Conheça os palestrantes:

Federico Adorno – Direção e Roteiro

É formado em Ciências da Comunicação pela Universidade Católica de Assunção e em Atuação e Direção Teatral. Participou do Produire au Sud na França e do Berlinale Talents na Alemanha. Seu primeiro longa, “Boreal” (2022), coprodução Paraguai/México, que será exibido na Mostra Longas Ficção do FAM no dia 23, participou do WIP LATAM em San Sebastián, do Films en Cours de Entrevues em Belfort e do Guadalajara Film Festival em Los Angeles. Seus curtas-metragens percorreram festivais ao redor do mundo e ganhou prêmios internacionais em Oberhausen (Alemanha), Winterthur (Suíça) e na Bienal del Arte en Movimiento em Buenos Aires.

Mario Toñanez – Atuação

Paraguaio, é ator de teatro, televisão e cinema, professor e dramaturgo. Licenciado em Teatro pelo Instituto Superior de Bellas Artes. Atuou nos dois filmes paraguaios de maior expressão internacional, “7 cajas” e “Los buscadores”, ambos com direção de Magnelia-Shembori. Em 2022 estreou na plataforma Amazon Prime Video a série internacional “Sin Límites”, de Simón West. É professor de disciplinas de audiovisual e teatro no Instituto Superior de Bellas Artes do Paraguai.

Ana Petta – Produção

É diretora de “Quando Falta o Ar”, documentário vencedor do Festival É Tudo Verdade 2022, que será exibido no FAM na Mostra Longas Documentário no dia 24 e novamente no dia 25, nas Conversas FAM de Cinema. Produziu e colaborou na direção e roteiro do filme “Repare Bem”, de Maria de Medeiros, prêmio de melhor filme no Festival de Gramado 2013 e Melhor Filme no Festival de Cinema Político de Buenos Aires. Dirigiu “Osvaldão”, selecionado na Mostra Internacional de São Paulo 2014. É protagonista e criadora da Série de TV “Unidade Básica”, do Canal Universal Channel/GloboPlay, que está na sua terceira temporada, ganhadora do Melhor Roteiro de Série da Associação Brasileira de Roteiristas 2017. Como atriz atuou nos longas “Trabalhar Cansa” e “O Mundo Invisível”. No teatro, na Cia do Latão e Cia São Jorge de Variedades, realizando dezenas de peças.

Carlos Fernando Vega – Som

É Editor e Sound Designer, graduado pela Escuela Nacional de Experimentación Cinematográfica na Argentina. Foi responsável pela edição e o som de vários longas de ficção, documentários e curtas-metragens, como “Aluap” (1996), “Vladimir en Buenos Aires” (2000), “El Juego de la Silla” (2002), “4 de Julio” (2008), “AU3 Autopista Central” (2010), “Amateur”  (2011), “El Desierto” (2014), “El Patrón” (2015), “No Viajaré Escondida” (2018), “Los  Payasos” (2019) e “Chango, La Luz Descubre” (2021), em competição da Mostra Longas Documentário do FAM, que será exibido no dia 25. É formado em Ensino de Artes Audiovisuais e professor de Edição de Cinema na Universidade de Buenos Aires e na Fundación Universidad del Cine desde 1999.

Bruno Risas – Foto

Diretor de fotografia dos longas “Desterro”, de Maria Clara Escobar; “A Rosa Azul de Novalis”, de Gustavo Vinagre e Rodrigo Carneiro; “Era o Hotel Cambridge”, de Eliane Caffé e “Lavra”, de Lucas Bambozzi, com o qual ganhou o prêmio de melhor fotografia no 54º Festival de Brasília. Dirigiu o longa ”Ontem Havia Coisas Estranhas no Céu”, exibido no 37º Torino Film Festival, em Turim, e premiado no 42º Cinéma du Réel, em Paris, e no 24º FIDOCS, em Santiago. É professor nos cursos da Academia Internacional de Cinema, em São Paulo e cofundador do Cineclube Disgraça. É jurado dos Longas no 26º FAM.

Montagem – Sergio Severino

Editor de vídeo com 28 anos de experiência, é formado em Jornalismo (UFSC). Desde 2002 dedica-se à edição de musicais, shows e videoclipes. Como sócio da Polar Filmes, foi responsável pela pós-produção de musicais e séries musicais para HBO e Viacom. Foi editor assistente do longa-metragem “Netto perde sua Alma” e indicado à melhor edição de Videoclipe para VMB MTV 2006 – CPM22. Entre seus outros trabalhos como editor estão o DVD Ivete Sangalo Maracanã – Grammy Latino DVD, Acústico MTV O Rappa, Copa do Mundo Japão Coreia 2002. Foi Editor Chefe do Rock in Rio para Directv Latin America (2002) e diretor de Pós-Produção de DVDs dos músicos Luan Santana, Zeca Pagodinho, Ivete 20 Anos (Splinter Films) e Vanessa da Mata.

Em prol da democratização de acesso das ações ofertadas pelo festival são reservadas vagas com ingresso gratuito, sendo 20% das vagas para pessoas de baixa renda, 10% para ações afirmativas e 10% para público geral. Além disso, os valores de inscrições das vagas pagas são populares, condizentes com valores de vale-cultura.

As inscrições estão abertas no link: https://www.sympla.com.br/produtor/panvision

Confira a programação completa no www.famdetodos.com.br.

O 26º Florianópolis Audiovisual Mercosul – FAM 2022 é produzido através da Lei de Incentivo à Cultura com Patrocínio Itaú Unibanco, Vero Internet e Sebrae, realização da Associação Cultural Panvision, Muringa Produções Audiovisuais, Prêmio Catarinense de Cinema 2021, Fundação Catarinense de Cultura, Estado de Santa Catarina, Secretaria Especial da Cultura, Ministério do Turismo.

Topo