FESTIVAL FILMAÊ abre inscrições para todo o Brasil

Estão abertas as inscrições para o festival de filmes produzidos com celular. Imagens podem ser captadas por smartphones, tablets ou câmeras de ação e as inscrições são gratuitas e podem ser realizadas até 5 de janeiro de 2020.

O sonho de produzir um filme e vê-lo exibido numa tela de cinema está mais próximo do que muita gente imagina. E nem precisa gastar muito ou se cercar de grandes equipamentos. Vale a máxima do Cinema Novo: “uma câmera na mão e uma ideia na cabeça”, sendo que a câmera pode ser mesmo a do celular. Esta é a proposta de FESTIVAL DE CINEMA FILMAÊ, que em 2020 realiza a segunda edição.

Único com essa proposta na América Latina e dedicado à produção nacional, FILMAÊ inclui mostra competitiva de filmes inéditos, com premiação, oficinas e mostra de filmes internacionais. Um festival completo, com comissão de seleção, júri oficial, júri popular e premiação em 11 categorias. Em 2018, ano da criação do evento, o festival recebeu 123 inscrições, de realizadores de todos os estados da federação, dos quais 82 foram selecionados e 45 escolhidos como finalistas. Em 2020, a expectativa é de um número ainda maior de inscritos.

Para participar do festival mais democrático do Brasil basta ter um celular, um tablet ou uma câmera de ação (do tipo GoPro, por exemplo). O gênero pode ser ficção, documentário, experimental etc. O importante é que os filmes tenham entre 1 e 15 minutos de duração (contando com os créditos), revelem qualidade narrativa e originalidade de abordagem e sejam apresentados em resolução HD ou superior – no formato widescreen ou na posição vertical.

Podem se inscrever no FILMAÊ brasileiros ou estrangeiros residentes no Brasil há pelo menos dois anos, sem número limite de filmes por pessoa e sem fixação de idade. Cada título deve ter sido realizado a partir de janeiro de 2016 e é permitido o uso de equipamentos de apoio como microfones externos, lentes adaptáveis, tripés, luzes etc. A edição também pode ser feita em outra plataforma, mas não serão aceitos filmes finalizados por aplicativos de edição automática.

Os filmes inscritos passarão por uma comissão de seleção prévia, encarregada de analisar todo o material que chegar ao site www.filmae.com.br. Serão selecionados mais ou menos 80 títulos, que ficarão em exibição no site do festival. Dessa primeira seleção, a curadoria escolherá cerca de 40 filmes finalistas. Estes filmes serão exibidos no cinema do Espaço Cultural Renato Russo e estarão disponíveis, também, no site para votação. Os mais votados serão encaminhados para a exibição pública e concorrerão aos prêmios do festival.

PREMIAÇÃO – Caberá ao Júri Oficial escolher os melhores filmes em cinco gêneros: Melhor Filme de Ficção, Melhor Filme Documentário, Melhor Videoclipe, Melhor Reportagem Mojo (Jornalismo Cidadão) e Melhor Filme Experimental. O Júri Oficial ainda elegerá o Melhor Filme Infantojuvenil (de 8 a 12 anos) e Melhor Filme Juvenil (13 a 17 anos) o Melhor Filme de Brasília. Já o Júri Popular será responsável por apontar os vencedores nas categorias técnicas: Melhor Filme, Melhor Direção, Melhor Interpretação, Melhor Roteiro, Melhor Fotografia e Melhor Edição. Os vencedores receberão um Troféu FILMAÊ – a produção pode criar outros prêmios decorrentes de novas parcerias e apoios ainda em negociação.

FILMAÊ tem coordenação geral de Fernando Campos e produção executiva de Guilherme Pastana e Guilherme Carvalho. Patrocínio do FAC – Fundo de Apoio à Cultura da Secretaria de Estado da Cultural e Economia Criativa do Governo do Distrito Federal.

Mais informações e inscrições: www.filmae.com.br

Topo