9ª Mostra Mosfilm na Cinemateca Brasileira

Imagem Materia Site Umes Filmes Cinemateca1

Entre os dias 5 e 15 de outubro, a Cinemateca Brasileira recebe mais uma vez a Mostra Mosfilm de Cinema Soviético e Russo. A 9ª edição do evento, que já é tradição no calendário de mostras da cidade de São Paulo, terá exibições de 14 longas e um média-metragem.

Recém-lançado nos cinemas, Khitrovka. O Signo dos Quatro abrirá a Mostra. Com uma aventura detetivesca inspirada em Arthur Conan Doyle e nos trabalhos do jornalista Vladimir Gilyarovsky, o diretor Karen Shakhnazarov estreou em mais de 1800 salas na Rússia, em maio último, depois de liderar as pré-vendas de ingressos na semana anterior.

Outro destaque da programação é o Especial América Latina. Nas décadas de 1960 e 1970 foram produzidos no Estúdio Mosfilm longas que retrataram as atuações das ditaduras que assolaram o continente no período, e das resistências revolucionárias que as combateram. Fazem parte da programação especial três filmes: o aclamado Eu Sou Cuba (1964), de Mikhail Kalatozov; Essa Doce Palavra Chamada Liberdade (1972), de Vytautas Zalakevicius, e Noite sobre o Chile(1977), de Sebastian Alarcón e Aleksandr Kosarev, filme que recria os trágicos acontecimentos ocorridos no Chile no outono de 1973, após o golpe fascista de Pinochet, que derrubou o regime democrático constitucional do país e seu presidente, Salvador Allende.

O diretor Andrei Tarkovsky marca presença na programação em sessão dupla, com o média-metragem O Rolo Compressor eO Violinista (1960), seu trabalho de conclusão na graduação pelo Instituto Estatal de Cinema (VGIK), e o longa O Espelho (1975).

Além das sessões, a mostra conta com a exposição As Matryoshkas e as oficinas de pintura de Matryoshkas para adultos e crianças, ambas com a artista Nadia Ramirez Starikoff; a exposição Pôsteres do Cinema Soviético e Russo; a roda de alfabetização A Língua da Revolução, com Matheus Gusev; além de comidas, bebidas e artesanato típico do Leste Europeu.

A Mostra é uma realização do Centro Popular de Cultura da União Municipal dos Estudantes Secundaristas de São Paulo (CPC-UMES), em parceria com a Cinemateca Brasileira e a Embaixada da Rússia no Brasil. Dos 15 filmes da programação deste ano, seis foram recentemente restaurados, e todas as exibições serão no formato DCP. 

Apoio: Agência de Assuntos da Comunidade dos Estados Independentes da Federação da Rússia (Rossotrudnichestvo), Sputnik Cultural e Associação Cultural Grupo Volga de Folclore Russo. 

CINEMATECA BRASILEIRA

Largo Senador Raul Cardoso, 207 – Vila Mariana
Horário de funcionamento
Espaços públicos: de segunda a segunda, das 08 às 18h
Salas de cinema: conforme a grade de programação.
Biblioteca: de segunda a sexta, das 10h às 17h, exceto feriados
Sala Grande Otelo (210 lugares + 04 assentos para cadeirantes)
Sala Oscarito (104 lugares)
Retirada de ingresso 1h antes do início da sessão

Programação disponívl em: https://www.cinemateca.org.br

Total
0
Shares
Prev
Secretária do audiovisual anuncia editais de internacionalização do cinema brasileiro durante debate na CineBH
Sessao De Abertura Do Ciclo De Debates Politicas De Difusao Regulacao Do Vod E Internacionalizacao Do Cinema Brasileiro Foto Leo Fontesuniverso Producao Jpg

Secretária do audiovisual anuncia editais de internacionalização do cinema brasileiro durante debate na CineBH

Next
Inscrições abertas para o AFC Awards até 17 de outubro
Les Prix Afc Bis

Inscrições abertas para o AFC Awards até 17 de outubro

También te puede interesar