Projeto Paradiso lança programa para promover a inserção de profissionais negros no mercado audiovisual

Projeto Lanca Programa Para Insercao De Negros No 0124647500202310231045 Scaledownproportional

A alguns meses de alcançar a marca de 5 anos de existência, o Projeto Paradiso lança um programa de aceleração para ampliar a participação de profissionais negros no mercado audiovisual. A Aceleradora Paradiso é uma ação de formação e inserção no mercado criativo de profissionais negros, realizada pelo Projeto Paradisoem parceria com empresas audiovisuais e o instituto NICHO 54. As ações deste novo programa serão anunciadas em um painel durante a Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, no próximo dia 27.

O objetivo da Aceleradora Paradiso é, por meio do formato de shadowing, promover a qualificação e inserção profissional de grupos com baixa representatividade no mercado. Tanto a edição-piloto como as duas próximas edições já planejadas (com foco nas áreas de produção executiva e de distribuição) são voltadas para profissionais negros. A iniciativa fortalece o conceito de qualificação prática, algo que no Brasil ainda é pouco comum na área audiovisual para profissionais que já tenham experiência. Além de fortalecer essa prática, o programa promove a conscientização do plano de carreira, uma vez que tem como objetivo que o profissional-sombra possa, em um futuro a curto prazo, ocupar uma vaga semelhante à de seu mentor. Por fim, visa contribuir para uma mudança de cultura no mercado audiovisual promovendo uma reflexão sobre as boas práticas de promoção da diversidade.

“A ideia foi buscar um modelo um formato em que o profissional pudesse ‘colocar a mão na massa’ em atividades reais de uma produção, de forma a aprender praticando. Achamos que as empresas hoje em dia têm um papel a cumprir no ecossistema de formação de profissionais, e que o processo de inserção de profissionais negros por elas é um ganha-ganha onde tudo mundo cresce junto”, explica Josephine Bourgois, diretora executiva do Projeto Paradiso. 

A edição-piloto do programa foi focada na área de direção. A busca foi por um profissional negro que desejasse atuar como diretor, mas ainda não tivesse dirigido seu primeiro longa-metragem. Larissa Barbosa, 27 anos, de Contagem (MG), foi selecionada como 2ª assistente de direçãopara acompanhar o diretor mineiro André Novais na pré-produção e filmagem do longa O Dia que te Conheci. As filmagens aconteceram em outubro de 2022 e Larissa acompanhou por três meses as etapas de pré-produção, filmagem e parte da montagem.
 
 A fase prática da formação ficou sob responsabilidade do diretor André Novais, que atuou como mentor da profissional selecionada e esteve envolvido no acompanhamento de suas atividades. “O que ficou de aprendizado dessa atividade é que ela pode ajudar a realmente acelerar uma experiência, gerando aprendizados que muitas vezes não são vivenciados e estudados em sala de aula nos cursos de cinema”, avalia o diretor. “São ensinamentos bem específicos que só um set pode trazer. E isso, junto com uma reflexão mais aprofundada, dão à prática algo importante para o entendimento do que é uma experiência de set.” 

Já a fase teórica ficou por conta do NICHO 54, instituto parceiro da Aceleradora Paradiso, que faz um trabalho de promoção e valorização de negros brasileiros na indústria audiovisual. Essa formação ocorreu em duas etapas, em formato online. A primeira buscou explicar o processo de um set de filmagem e como preparar um filme para sua carreira em festivais; a segunda teve como foco a identificação dos processos criativos e técnicos ao longo da pós-produção. Ambas buscaram abordagens comportamentais, técnicas, criativas e processuais 

“Destacamos como principais resultados observados a dimensão de estágio de carreira, o fortalecimento de autonomia, o conhecimento organizado sobre etapas e processos do set e pós-produção, assim como a elaboração de estratégia para participação em mercado internacional”, explica Fernanda Lomba, diretora executiva do NICHO 54. 

Por iniciativa de Novais, o programa previu também a escrita coletiva de um diário de filmagem, em que cada pessoa da equipe registrou seus relatos, gerando reflexões sobre aquilo que estava sendo feito. Há o plano de transformar o diário em uma publicação. 

“Essa foi uma iniciativa incrível. Foi ótimo aprender com um diretor tão experiente, e isso é riquíssimo para quem está começando a carreira. Aprendi muito sobre o trabalho no set, a diferença existente entre tipos de produção e aprimorei muitas coisas como assistente de direção”, afirma Larissa. “Me aproximei de profissionais que admirava e com quem gostaria de trabalhar, e aprendi muito sobre o olhar da direção sobre o filme. Acredito que este seja um dos pontos mais relevantes, pois por muito tempo foi difícil para mim perceber como a direção atuava na prática. Mas, nesse set, ficou muito claro para mim o papel desse profissional. Com a escrita do diário pude refletir sobre o meu trabalho e o que quero para o futuro”. 

Ao participar da Aceleradora Paradiso, Larissa passou a integrar a Rede Paradiso de Talentos. Em março de 2023, ela foi indicada para participar do Málaga Talent, evento parceiro promovido pelo Festival de Málaga, da Espanha, que recebe jovens profissionais promissores das áreas de direção, produção e roteiro. Em outubro de 2023, O Dia que te Conheci foi selecionado para estrear no Brasil no Festival do Rio, onde recebeu o Prêmio Especial do Júri, e na Mostra Internacional de Cinema em São Paulo

André Novais e Larissa Barbosa estarão na mesa de lançamento oficial da Aceleradora Paradiso no dia 27 de outubro, às 16h30, na Cinemateca Brasileira. Ao lado deles, estará Fernanda Lomba e Tiago Mello, sócio da Boutique Filmes, empresa parceira da segunda edição, voltada à produção executiva. 

Sobre o Projeto Paradiso
O Projeto Paradiso, uma iniciativa filantrópica do Instituto Olga Rabinovich, investe em formação profissional e geração de conhecimento com programas de bolsas e mentorias, além de cursos, seminários e estudos. Focado na internacionalização,  atua por meio de parcerias com instituições de referência no Brasil e no mundo, criando oportunidades para profissionais em diferentes fases da carreira. Em quatro anos de existência já beneficiou dezenas de profissionais brasileiros do audiovisual por meio de suas inúmeras iniciativas. São elas: 

Brasil no Mundo: busca fortalecer a participação nacional em grandes mercados e festivais no exterior, por meio de apoios a filmes selecionados para mostras competitivas, projetos em busca de coprodução internacional e prêmios. 

Incubadora Paradiso: apoia o desenvolvimento de roteiros brasileiros de longas-metragens de ficção que se destacam em importantes laboratórios e mercados audiovisuais do país. O programa oferece apoio e mentorias customizados para a produção e internacionalização do projeto, além de bolsa para o roteirista. 

Paradiso Multiplica: é uma iniciativa de democratização do conhecimento. Os profissionais beneficiados pelas Bolsas Paradiso têm a oportunidade de estudar ao redor do mundo e, por meio deste programa, compartilham o conhecimento adquirido com diversos públicos de todo o país. 

Bolsas e Prêmios:as Bolsas Paradiso focam na capacitação de curta e média duração no exterior, para o aperfeiçoamento de profissionais já atuantes no mercado. Já os Prêmios são voltados à formação e à capacitação profissional, em parceria com iniciativas como festivais, mercados e mostras. 

Cursos e Seminários: ao lado de consagrados parceiros nacionais e internacionais, o Projeto Paradiso incentiva a geração e difusão de informações, de maneira a contribuir para a qualificação do debate sobre o mercado audiovisual.

Total
0
Shares
Prev
Mostra Sururu abre inscrições para laboratórios de atuação e crítica de cinema
F519E237 1Dd0 4F37 883A 9E1Ad6A7B586

Mostra Sururu abre inscrições para laboratórios de atuação e crítica de cinema

Next
Coletivo de diretoras de arte BRADA participa de um evento mundial sobre Direção de Arte, a IPDW
Crono Geral 1024X341 1

Coletivo de diretoras de arte BRADA participa de um evento mundial sobre Direção de Arte, a IPDW

También te puede interesar